1

“aos muitos males que nos ferem agora vêm juntar-se novos!” (Édipo Rei – Sófocles) Peço-vos que se dissociem de mim, pois há um mal que tomou conta da vida, quase na mesma proporção da trilogia tebana, em que descreve os fados funestos dos labdácidas, uma sequência de tragédias que vai […]

“E eu, que tenho mais vida, tenho menos liberdade? É esta a minha paixão: num feroz vulcão transfeito, quisera arrancar do peito pedaços do coração”. (A Vida é Sonho – Pedro Calderón de la Barca) As mesmas reflexões de antes, atormentam o dia de hoje, talvez o amanhã, porque nossa […]

“Desçamos ao mundo onde nada se vê” (Divina Comédia – Dante) Ao fundo ouço, mais uma vez, a poderosa “A Whiter Shade a Pale”, agora na espetacular versão de The Main Squeeze, as palavras descem no teclado no piloto automático, velhas e novas ideias, um sonho recente, ou uma formulação […]

“Não quero o que a cabeça pensa eu quero o que a alma deseja Arco-íris, anjo rebelde, eu quero o corpo tenho pressa de viver” Ora, nesse momento de minha vida, encontro uma enorme identificação com meu conterrâneo, o sobralense, que era um baita poeta, um grande filósofo, um puta […]

“Vai-se-me em névoa o mundo. Emanações subtis que exalais, vem tornar-me aos anos juvenis. Que imagens que trazeis de dias tão risonhos!… Caras sombras! sois vós? aéreas como em sonhos?” (Fausto – Goethe) Ainda nos resta um último fôlego para aguentar um novo mergulho, nas águas turvas de um rio […]

“E, presságio fatal então colhendo, Deram-me de Pecado o triste nome: Habituados porém a ouvir-me, a ver-me, De mim gostaram; conquistei ovante Com minhas graças os contrários todos” (Paraíso Perdido – John Milton) Aqui jaz, não alguém ou ninguém, apenas ideia de uma vaidade intelectual que foi atropelada realidade. Aquele […]

4

“O deus dos mortos, que adormece a todos, leva-me viva para os seus domínios sem que alguém cante o himeneu por mim, sem que na alcova nupcial me acolha um hino; caso-me com o negro inferno.” (Antígone – Sófocles) É quase certo que um punhado de pessoas muito próximas sentirão […]

“De todos faz covardes a consciência” (Hamlet – W Shakespeare)  Sim, faz um bom tempo em que não apareço por aqui, andei realmente meio sumido, sem escrever quase nada, mas não é por falta do que falar, ao contrário, tenho muito, entretanto a vida tomou um rumo absolutamente inesperado, que […]

Vi o belíssimo documentário sobre Chico Buarque, Chico – Artista Brasileiro, dirigido por Miguel Farias Jr., extremamente bem feito, ideal para os fãs e para novas gerações que não o conhecem com profundidade. Chico é um dos mais importantes nomes da música brasileira da segunda metade do século passado até hoje. Músico, compositor, […]

4

“Decidi,viver agora Desde que pensei em mim Quase tudo mudou’ ( Lamento – Tim Maia) Li o livro do Nelson Motta, “Vale Tudo”, sobre o Tim Maia, quase uma obrigação de fã, mesmo desconfiado da credibilidade do colunista, compositor e produtor, agora escritor de biografia, mas a sede de conhecer […]

1

“Oh, I beg you: can I follow? Oh, I ask you: why not always? Be the ocean, where I unravel, Be my only, be the water and I’m wading You’re my river running high, run deep, run wild” (I Follow Rivers – Lykke Li) Numa cena do filme francês, “Azul […]

2

“E ninguém nem percebia Que o real e a fantasia Se separam no final…” ( Era Casa, Era Jardim – Vital Farias)   E no final, separados, homens e demônios, bem e mal, sobrará apenas o lado terrivelmente humano de cada um de nós, nem mais, nem menos. No fundo, […]