1701: #TBT: A SUNAB ressuscitada, o Caos chegando.


O preço do arroz e o fantasma da inflação está de volta.

O desgoverno BolsoNERO jogou o Brasil no passado, o desabastecimento, a restrição de compras de produtos e uma possível escalada inflacionaria se avizinha, tudo isso nos arremessa aos anos de 1980, de Sarney e companhia.

Os preços de produtos da cesta básica estão disparando, produtores privilegiando as exportações  com o real desvalorizado, enquanto os supermercados remarcam os preços como se não houvesse amanhã. A falta de estoques reguladores é sinal de absoluto descaso com o país por Guedes e BolsoNERO.

Em breve os fiscais do Sarney, digo, do BolsoNERO estarão fechando supermercados e açougues, trazendo de volta uma época famigerada, de descontrole e nenhuma esperança,  de fome, miséria e desemprego.

A nota de 200 reais é um outro indício de que a economia está arruinada, se não fossem as divisas cambiais de quase bilhões de dólares deixadas por Dilma e Lula, o país estaria de pires na mão no FMI, humilhado como era desde os governos militares até de FHC.

A queima de ativos públicos, como na venda a preço vil de empresas estatais e de participações em empresas estratégicas, é a única saída que Guedes, o entreguista encontra para segurar o caos que ameaça o Brasil.

Os funcionários públicos e os serviços públicos serão os próximos alvos da sanha destruidora do projeto de nação independente, a desvalorização e a precarização são os caminhos apontados por Guedes, Maia e com amplo apoio mediático, atacando o Estado

O Brasil foi entregue aos aventureiros, ineptos e uma união com abutres do capital especulativo completa o cenário, eles comemoram as datas festivas dos EUA não é por mero acaso.

O corte pela metade do auxílio emergencial combinado com o descontrole de preços será a pá de cal dessa tragédia, uma situação de catástrofe se desenha num horizonte próximo.

Sobrarão, ao falido governo, a repressão aberta e o fim das liberdades, pois não há resistência à vista, nem à prazo. O caos se aproxima, nem a cloroquina salva, muito menos o Ozônio retal.

Como diz meu amigo Paulo Moreira Leite:

Alguma dúvida?

 Save as PDF

Deixe uma resposta

Related Post

%d blogueiros gostam disto: