Da pressa e das Pressões

Nós no show da Demi Lovatto

 

Como sempre em busca de uma palavra, mas também poderia ser um som, uma música, para que acalme meu coração. Hoje, fui muito rude com minha pequena Luana, sua demora em acordar, se preparar para sairmos de casa, toma suco, leite, tudo feito lentamente, me deixou irritado. Nada justifica ou explica, ela é minha pequena, pode ser dispersa, aérea, mais ainda pela manhã, mas isto não me dá direito a ser duro demais, depois me arrepender, ficar aqui me sentindo mal.

 

Dominado por uma rotina cruel, de cidade grande, perdemos a dimensão exata de nossas responsabilidades maiores, o carinho e amor incondicional aos nossos filhos, em particular os menores, que mais dependem de nós, que se espelham em nossos comportamentos. Temos horário para tudo, o trânsito se complica em poucos minutos, se deixar de sair às 7:15, piora consideravelmente o deslocamento. Tudo isto é real, mas e daí? quem tem que mudar sou eu, ser mais complacente, viver com menos estresse.

 

Este aperto que dar, é complicado, pois,  só de noite vou poder pedir desculpas, colocar no meu colo, prometer amim mesmo não mais me exasperar, por estes pequenos atrasos, entender melhor porque ela demora, dar mais carinho e receber aquele abraço reconfortante. Estes pequenos detalhes, cada vez mais, acabam por me atormentar, o dia fica muito chato, até escrever perco a vontade. Um incidente menor, seria assim, se fosse dois anos atrás, mas, hoje, não encaro desta forma. Vou refletir melhor como mudar.

 

Por enquanto, serve este pequeno desabafo, talvez, muitos enfrentem os mesmo conflitos, resolvam de forma mais tranquila, ou, até, já tenha uma solução. Quem sabe não me ajude, ano que vem a Luana também passa a estudar de manhã, terá que acordar ainda mais cedo, melhor me preparar já este ano, para que seja suave a grande mudança, principalmente para ela. Nestes dias frios, são mais difíceis de levantar, até se acorda, mas sair da caminha quente, é tão ruim, a preguiça pesa mesmo, cada um se comporta de um jeito.

 

Minha doce e rebelde filha, há de me perdoar, não sei se eu me perdoarei, vamos tentar. Sem Pressa ou pressão.

 

Imagem de Amostra do You Tube

 

 

 

0 thoughts on “Da pressa e das Pressões”

  1. Arnobio, sabe que a Ana Clara tem uma dificuldade enorme de comer pela manhã, assim como eu. Eu me levanto e tenho que esperar pelo menos 3o min para conseguir comer algo, já ela como não queremos que acorde tão cedo deixamos tudo pra em cima da hora, ela até que não cria dificuldade para levantar, mas na hora de comer algo é incrível a lentidão.
    Nessa semana, passamos a coloca na lancheira dela mais lanche e permitir que ela tome apenas o achocolatado, tem diminuído o estresse de cobra-lá comer tão cedo. Antes sempre voltava algo na lancheira ou ela assumia que teve de jogar fora pra não trazer de volta, agora não tem voltado.

    Voce colocou de forma invejável o que acontece com muitas pessoas. Eu tive uma crise esses dias que me deixou muito chateado tb, cheguei a jogar uma planta no lixo, na idéia de que estava educando-a…estou mal com isso ainda.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: