Cúpula da UE: Orçamento Esotérico

 

 

Alemanha 2 x 1 França, mais que um placar ( Foto: Reuters)

E hoje começa mais uma reunião de cúpula da UE, voltei aos velhos tempos da  série Crise 2.0, não resisti ao apelo da cerimônia, os dois artigos( Cúpula da UE Ou, Onde Os Verdugos Se Encontram e A Podridão na Espanha), precedentes ao encontro, apenas demonstram o clima em que transcorrerá mais uma a cúpula. Na última, em Novembro 2012, a Alemanha tentou impor o orçamento centralizado para o período 2014-2020, sem sucesso, uma nova tentativa será feita hoje, com mais possibilidade de aprovação.

Ora, na segunda, o constrangedor entre Merkel e Rajoy, não conseguiu realizar o intento de salvar a pele do dirigente espanhol, aliás, foi pior, ele se tornou presa fácil para os jornalistas que nem lembraram o que Rajoy veio fazer em Berlim, além de pedir a benção da chefe. Ele foi bombardeado com perguntas sobre o escândalo que promete derrubá-lo da liderança do PP e da Presidência da Espanha. Pelo desenrolar dos fatos, parece que a situação tende a ser resolvida de forma mais rápida do que quer a cúpula do governo, novamente o El País, principal jornal da Espanha publica edição terrível para Rajoy, já há vozes poderosas dissidentes , no PP, como a dirigente da capital, Esperanza Aguirre, a coisa não sairá das manchetes.

Ontem, porém, o dia de Merkel foi de prazer, depois de 25 anos, a Alemanha ganhou da França, de virada, provando que até no futebol atual, Hollande não tem dado sorte. Os dois se reuniram e viram o jogo das suas seleções, mas a pior derrota de Hollande, parece mesmo que será nesta quinta. Ele chegou carregando a esperança dos descontentes com a atuação alemã na UE, terá agora que engolir o rolo compressor alemão. O que se evidencia, como lembra o El País de hoje, que o orçamento proposto revela o empobrecimento da UE, ele é menor do que o anterior, 2007-2013.

E diz mais, o jornal que “com o corte, não tem como levar a sério a luta contra o desemprego dos jovens, que é sempre citado pelos dirigentes, como maior preocupação”. E continua mostrando que “o teatro está assegurado: “É agora ou nunca”, disse uma fonte sênior comunidade. A reunião vai durar até o amanhecer, e provavelmente vai terminar com um acordo que, apesar dos cortes, o Presidente Van Rompuy listou uma série de medidas para os paíseso, de modo que quase todos os presidentes e chefes de Estado possam voltar para casa com algo em suas mãos para se defender perante o público”. 

O Cinismo não tem fim, mas o El País tem uma definição de humor refinado, diz que os “orçamentos não são nada simples, já que o próprio nome (perspectivas financeiras plurianuais) são um conjunto de conceitos esotéricos acrisolado e adequado apenas para eurocratas endurecidos”. A burocracia se alimenta destes momentos caóticos, sem dirigentes com coragem e/ou força para virar a mesa. É um roteiro covarde, que mais uma vez não aponta saída para a Crise.

O sorriso feliz de Merkel, ao final do jogo de ontem, prenuncia o que teremos hoje/amanhã. A chanceler, em plena campanha eleitoral, por um inédito terceiro mandato, quer consolidar a imagem, não apenas de chefe da Alemanha, mas de toda a UE, sem forças contrárias, pois Espanha, Itália estão fora de combate, sem a França, parece que será um passeio.

One thought on “Cúpula da UE: Orçamento Esotérico”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: