“O deus soberano, cujo oráculo está em Delfos, nem revela, nem oculta coisa alguma, mas manifesta-se por sinais”. ( Heráclito) É por um mero acaso a maioria das chamadas “revelações”, ou dos insights que modificam os rumos da vida de uma pessoa ou de um estado? Há uma construção anterior, […]

Estude o livro do rosto de Páris, Escrito pela pena da beleza. Repare na harmonia das feições, Pois cada uma embeleza a outra; E se algo fica obscuro no volume, As notas no olhar aclaram tudo. Esse livro do amor, com as folhas soltas, Pra perfeição precisa só de capa. […]

“Amanhã, e amanhã, e amanhã Arrastam-se nesse passo miúdo dia após dia Para a última sílaba do tempo narrado; A nós tolos, todos esses ontens iluminaram O caminho para o pó da morte. Apaga, apaga, lume passageiro” (Macbeth – WS) O que a vida reserva a cada um de nós? […]

1

“E, sobretudo, isto: sê fiel a ti mesmo. Jamais serás falso pra ninguém” (Hamlet – William Shakespeare) Escrever é exercer o desconforto. Então é muito mais fácil ler do que escrever, pois, assim, podemos viajar pelas ideias e pelas imagens maravilhosas que os poetas, os mestres das letras nos fazem […]

3

    “E tudo que nos parecia sólido, sumiu ao vento, como nossos anelos” ( Macbeth, W Shakespeare )   Um blog se alimenta, na minha visão, pelos comentários que recebe, sem eles o blog morre, mesmo se ele tem muita audiência. Blog  não é TV, nem é um livro, […]

    Ontem fui ao teatro com minha irmã e meu cunhado, demoramos a escolher, mas no final acertamos em cheio, a peça Macbeth, o Trono de Sangue, tradução de Marcos Daud e uma versão do diretor Gabriel Vilela, com elenco encabeçado por Marcello Antony. Uma bela surpresa, texto enxuto, um […]