“A vida da indústria se converte numa sequência de períodos de vitalidade mediana, prosperidade, superprodução, crise e estagnação” (Marx, O Capital, Livro I) A nova miragem tecnológica se aproxima de seu lançamento, a 5G, a quinta geração dos sistemas celulares, também conhecida como Internet das Coisas (leia mais clicando aqui: […]

“Now all my days, are filled with tears Wish I could go back, and change these years” (Changes – Ozzy Osbourne) Ouvindo a balada Changes do Black Sabath, na incrível voz de Charles Bradley, mas seria apenas uma grande fuga para outras reflexões que não sejam sobre um país, como […]

“puluis et umbra sumus” (somos pó e sombra – Horácio) É a Economia, estúpido!!   Um recente documentário da HBO, Pânico: Crise Financeira de 2008, trata da questão da fantástica Crise de 2005/2008, partindo do ponto de vista dos principais cabeças que estavam no olho do furacão: Bush Jr, Presidente […]

“vês ali, amigo Sancho Pança, onde se descobrem trinta ou mais desaforados gigantes, com quem penso fazer batalha, e tirar-lhes a todos as vidas, e com cujos despojos começaremos a enriquecer; que esta é boa guerra, e bom serviço faz a Deus quem tira tão má raça da face da terra” (D. […]

“Cada crise destrói regularmente não só uma grande massa de produtos fabricados como também uma grande parte das próprias forças produtivas já criadas. Uma epidemia, que em qualquer época teria parecido um paradoxo, desaba sobre a sociedade – a epidemia da superprodução. A sociedade vê-se subitamente reconduzida a um estado […]

1

“A fraternidade durou exatamente o mesmo tempo que o interesse da burguesia esteve irmanado com o interesse do proletariado” ( Marx, artigo na Neue Rheinische Zeitung, 29 de junho de 1848) O Centro da Luta de Classes no Brasil é a prisão de Lula. Qualquer coisa fora dessa visão, está […]

“A crise constitui sempre o ponto de partida de grandes investimentos novos e forma assim, do ponto de vista de toda a sociedade, com maior ou menos amplitude, nova base material para o novo ciclo de rotações” (Marx – O Capital – Vol III). Esse texto abaixo é de abril […]

2

“A fortuna troca muita vez as mãos à natureza. Formado para as serenas funções do capitalismo, tio Cosme não enriquecia no foro: ia comendo” (Dom Casmurro – Machado de Assis). A teimosia é algo fantástico, por mais dolorido que seja, voltar a bater nos velhos conceitos, mesmo sabendo que além […]

2

“Os homens e as coisas se destacam como gemas fulgurantes; o êxtase é o estado permanente da sociedade; mas estas revoluções têm vida curta; logo atingem o auge, e uma longa modorra se apodera da sociedade antes que esta tenha aprendido a assimilar serenamente os resultados de seu período de […]

“Realmente, os demônios gostam das torpes cenas que ao pudor desagradam” (A Cidade de Deus, Santo Agostinho) Na metade dos anos de 1980, o cineasta canadense, Denys Arcand, fez um filme espetacular, “O declínio do Império Americano”, com profunda discussão filosófica sobre aqueles anos de influência do Reagan-Thatcher, guerra fria. […]

3

“Sem teoria revolucionária, não há movimento revolucionário. Não seria demasiado insistir sobre essa ideia em uma época, onde o entusiasmo pelas formas mais limitadas da ação prática aparece acompanhado pela propaganda em voga do oportunismo”. (Que fazer? W, Lênin). Brinquei no Facebook: “O Golpe e os Livros – A única […]

“Da guerra ao cru motim silêncio e trégua: Os vencedores e os vencidos folgam Das nebulosas sombras circundados”. (Paraíso Perdido – John Milton) Pelo Whatsapp converso com um amigo judeu e ele está extremamente preocupado com a explosão da Extrema-Direita nos EUA. Meu amigo é um liberal, honesto e perspicaz, […]