O Blog ainda Pulsa

Ainda Pulsa...
Ainda Pulsa…

 

“O pulso ainda pulsa
E o corpo ainda é pouco
Ainda pulsa
Ainda é pouco” ( O Pulso – Titãs)

 

Faz tempo que este blog está na UTI, nem sei mesmo qual a razão dele ainda continuar no ar, talvez a minha vaidade acabe servindo como se fosse os aparelhos respiratórios que o mantém vivo, mas seu estado é grave, diria, gravíssimo. Depois de um período longo e criativo, muito acima do que esperava, entrou em declínio e se tornou um entrave, por um tempo ajudou me ajudou demais, para que mantivesse minha sanidade, diante do que vivia, hoje, parece indiferente.

O ambiente geral, virtual, piorou muito nos últimos anos, o que em parte explica a minha pouca disposição em continuar com um blog “militante”, ativo e com intervenção. As Redes Sociais têm duplo caráter, se por um lado potencializa a que um pequeno blog se torne parte do debate político, social ou de comportamento. Em outra mão, elas trouxeram o que há de mais abjeto no ser humano, o fascismo aflorou e tornou a situação quase insustentável, pois a intolerância prevalece, o que fecha a possibilidade de um bom debate.

A grande motivação de um blog de opinião, como este, é pesquisar e trazer novos temas à baila, quem sabe consegue aprofundar alguns importantes debates que estão sendo levantados pela mídia corporativa ou pelas Redes Sociais, contribuindo com análises e ideias, muitas vezes colocando-as de pé, pois muitas vezes a lógica está de ponta-cabeça. Penso que muitas vezes obtive algum sucesso, em especial na questão da Crise 2.0, com os muitos artigos e o resgate do método de análise da Crise, retomando Marx naquilo que ele foi mais brilhante, o conceito de Kapital.

Muito além da política, este blog, trouxe temas que me são caros, como a mitologia grega, os velhos clássicos que poucos se interessam, mas que são tão fundamentais para compreensão do homem, em particular do homem ocidental. A nossa formação intelectual, nossos valores culturais, de onde viemos ou quem somos, muitas vezes tratados de forma simples, sem maneirismo, sem, entretanto, perder sua profundidade. Buscando instigar a curiosidade dos leitores para obras e livros tão espetaculares, jamais substituídos ou ultrapassados por qualquer modernidade vulgar.

Portanto não há lamentos ou derrotas, as coisas são o que são, nada mais que isto. As antigas vontades e grandes arroubos vão sendo transformadas em aceitação tácita da realidade, continuaremos na medida de nossas forças e vontades, sem pressão alguma, apenas quando tiver realmente algo a dizer ou mostrar. Todo o conteúdo do blog permanece aberto e público, até quando me apetecer, sem compromisso com nada e ninguém, exceto com minha consciência e meu prazer.

Agradeço aos amigos que leem e divulgam o blog, pois sobreviveu graças a energia de todos vocês.

We can hear your pulse by Origa

Imagem de Amostra do You Tube

9 thoughts on “O Blog ainda Pulsa”

  1. Força, Arnóbio. Precisamos resistir.
    As vozes da contracorrentes são baixas (porque não conseguimos a mesma amplificação da grande mídia), mas necessárias. A gente tem que tentar vencer pelo número.
    Torço para que você resista.

  2. Caro Arnobio,
    Bom dia e aproveito a mensagem para dizer que leio seu blog e tenho recebido com muito prazer as postagens do blog por email.
    Essa semana senti que havia dias sem receber, e pensei o que poderia ter ocorrido, achei até que tinha tirado meu e-mail de sua lista. Hoje depois de ler seu blog não posso deixar de manifestar a minha preocupação diante de sua desmotivação. Acho que ela reflete uma solidão própria dos escritores e cronistas, pois se as relações de trocas e de informações na web estão causando essa perplexidade, que tira a vontade e não dá animação para as postagens com as mesmas energias de antes, eu acho que é exatamente por isso que é necessário reunir as razões para mantê-lo no ar. Não está na UTI pelos conteúdos, nem pela frequência, talvez a motivação que falta seja o reconhecimento do seu esforço, e isso de forma geral é o grande desafio para o debate sobre a democratização da comunicação. Acho mesmo que talvez uma meta mais ousada para ter uma fresta nos meios de comunicação de mídia tradicional provoque uma reanimada.
    Abraço do leitor do seu blog que torce para que vc sinta a empolgação e alegria para poder continuar a realizar as reflexões postadas nesse canal de política economia e cutura.
    Abraço
    Edson José de Moraes
    Campo Mato Grosso do Sul

  3. Nada disso, tem que continuar e superar falta geral de forças para ler. Ler política virou um exercício de mastigação com dor de dente. Tento, tento, tento, mas não consigo, sofro demais. Hoje mesmo acordei pensando em você, nada de desistir.

  4. Resista meu caro Arnobio. De Blogs chatos de puxas sacos, ou do governo ou da oposição a internet está cheia. E este é exatamente o oposto.
    Análises inteligentes, despretenciosas e saudáveis são a meu ver, uma marca deste Blog. Logo, precisamos de sua contribuição valorosíssima sempre. Conte conosco sempre.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: