“Oh! Celícolas Musas, inspirai-me; Sois deusas e na mente abrangeis tudo: Roçou-nos único o rumor da fama” (Ilíada – Homero) Por mais que publiquemos sobre a Crise 2.0 em geral e a Grécia em particular, sempre somos confrontados com uma pergunta fatal: Por que se quer “salvar” […]