“Não alcancei a celebridade do emplasto, não fui ministro, não fui califa, não conheci o casamento. Verdade é que, ao lado dessas faltas, coube-me a boa fortuna de não comprar o pão com o suor do meu rosto”  (Memórias Póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis) Dei de […]

Viver olhando o retrovisor ou achar que o passado, não vivido por nós, é sempre melhor, cria certa ilusão de presente e futuro, como se a vida real e concreta fosse ruim ou por outro lado de que nossa existência é pouco significativa, pois tudo de bom já fora feito […]