1

    A Itália continua sem governo, parece incrível, mas tem quase 4 meses que o país vive no limbo, mesmo depois de uma confusa e tumultuada eleição, em que a esquerda “ganhou” com pequena minoria, o Presidente Giorgio Napolitano, confiou ao PD, de Pier Luigi Bersani, a formação de […]

4

      A Itália assiste dois dramalhões ao mesmo tempo, sem uma solução satisfatória, por enquanto. As eleições do país que está num impasse terrível, pois não há vencedor, e ali, naqueles pequenos muros, no Vaticano um outro drama se desenrola, a eleição papal. Nas últimas semanas tenho tratado […]

4

    As eleições parlamentares italianas foram tratadas em três posts ( Itália, Nau à Deriva , A Itália Rumo ao Atoleiro e O Fenômeno (Bicho)Grillo e a Crise de Representação ) localizando, assim, o seu real significado, a exemplo do que fizemos na série sobre  Crise 2.0, em que analisamos as eleições da Espanha, França e […]

9

    A situação política da Itália, no atoleiro que se meteu, não é, com certeza, apenas dela, faz parte de um momento mais amplo que temos que pensar muito, refletir para tentar entender, quem sabe esboçar alguma saída. Durante quase dois anos acompanhei dia a dia o desenrolar da […]

3

  Hoje, pela manhã, ainda sem resultados finais das eleições gerais italianas, escrevi o artigo Itália, Nau à Deriva, em que apontava a imensa confusão política do país, principalmente depois de 15 meses do governo biônico da Troika, liderado pelo burocrata Mario Monti, ex-executivo da Goldman Sachs. Como várias vezes alertamos […]

4

    Agora na Itália, daqui uns dias no Vaticano, acontecem as duras eleições para se procurar um novo rumo, mas, olhando à distância, não parece uma coisa simples. Desde a época em que escrevíamos a série sobre a  Crise 2.0, A Itália estava no olho do furacão. Primeiro com o […]