O DEM na presidência da Câmara, a um passo da Presidência...

O DEM na presidência da Câmara, a um passo da Presidência…

Bom dia, primeiramente, #foratemer.

Essa madrugada, perdemos TODOS, com a eleição do filho de César maluquinho Maia, o bon vivant, Rodrigo Maia, aquele do mensalão do DEM. Houve um conjunto de ações absolutamente erradas, fruto do vazio de lideranças e principalmente de projeto estratégico, a divisão do nosso campo já tão fragilizado, facilitou o trabalho sujo da Direita.

Seria injusto atribuir a uns ou aos outros a responsabilidade pelo desastre de ontem. Convido-os a uma reflexão mais profunda, pois esse congresso é o espelho de junho de 2013, cujo único “fio solto” foi a reeleição de Dilma.  Também não podemos nos esquecer de que Rodrigo Maia agora é o primeiro na linha sucessória da República.

Vivemos uma longa virada de humor à Direita, em nosso país e no mundo, ontem ou três meses antes, com impeachment de Dilma, são apenas pontos trágicos de uma longa jornada de retrocessos históricos. Uma conjuntura em que temos um #BRexit ou uma disputa inglória, Hillary Clinton vs Donald Trump, ao mesmo tempo um golpista se comportando com um ditador e vai solapando a Constituição, os direitos sociais e queimando o patrimônio público, o que precisamos mais?

Apelo à razão, para que não nos dispersemos ainda mais. Até aquela pequena resistência inicial ao grande golpe, vai se esvaziando, não temos o DIREITO de brigar entre nós e nos matarmos politicamente. Os próximos embates poderão ser até piores. É uma perspectiva terrível. Que tal debatermos com substantivos e pensando no futuro?

Ainda há uma luta no senado, com poucas chances de vitória, para que possamos restabelecer a democracia no Brasil, nem que seja para que se chame imediatamente novas eleições, pois será impossível governar com um congresso como esse. Nesse meio tempo, uma campanha eleitoral massacrante para a Esquerda, sob o peso de um impedimento.

Podemos nos juntar e resistir, pois ainda não é o fundo do poço, ou será?