Paco de Lucía

Paco de Lucía, um Gênio (Foto de divulgação de um concerto no México, outubro de 2013)
Paco de Lucía, um Gênio (Foto de divulgação de um concerto no México, outubro de 2013)

Uma notícia triste, na manhã de hoje, partiu para outra morada, a eterna, Paco de Lucía, o gênio da Andaluzia, vai tocar junto à Camaron de La Isla, suas bulerias, flamencos, gitanos, sevillanas, no paraíso. Vindo de uma família dedica à música, seu pai era guitarrista flamenco, assim como dois de seus cinco irmãos, entretanto Paco, alcançou a maior glória com a renovação do Flamenco, com a introdução de novos ritmos, como jazz, bossa nova.

Desde muito cedo, Paco demonstrou sua arte, com apenas 11 anos, em 1958, se apresentou em rádio de sua cidade natal, Algeciras. Uma carreira longa, vitoriosa e cheia de prêmios com reconhecimento mundial, sendo considerado o maior divulgador do Flamenco no mundo. Sua parceria com Camarón de La Isla renovou o Flamenco, foram 11 anos juntos e nove discos. A guitarra de Paco e a voz de Camarón parecia feitas de um para o outro, se complementava num canto forte, melancólico, do fundo da alma.

Paco de Lucía, depois de 1979, fez uma consistente carreira, acompanhado do sexteto formado por seus dois irmãos Ramón e Pepe, tendo passado grandes músicos com eles. Seus concertos tinham no flamenco a sua base, mas ele incorporou tantos outros ritmos, uma fusão impressionante de talento e virtuosidade. A melhor homenagem ao genial guitarrista é ouvi-lo e divulgar sua arte.

O mundo ficará mais triste, mas o céu ficará feliz neste reencontro de Paco e Camarón.

Camaron de la isla y Paco de Lucia – Como El Agua

Imagem de Amostra do You Tube

Paco de Lucia y Camaron de la Isla – Bulerias

Imagem de Amostra do You Tube

Paco de Lucia – Entre dos Aguas

Imagem de Amostra do You Tube

Paco de Lucía Concierto Aranjuez – Adagio

Imagem de Amostra do You Tube

Paco de Lucia – Pula

Imagem de Amostra do You Tube

6 thoughts on “Paco de Lucía”

  1. Sabe que eu vi o Camarón de la Isla cantando certa vez em que viajei à Andaluzia, qdo fazia pós-doutorado na Inglaterra, numa garagem que apresentava cantores de flamenco? Primeira vez que eu ia à Espanha, nem conhecia o cantante, e fiquei deslumbrada. Nem queria mais voltar para Londres e depois Brasil!!

    1. Vera,

      Camarón cantava com tanta força que é impossível não se emocionar, sua voz, seus gestos. Você conhece Diego “El Cigala”? É um novo Camarón, incrível como canta, tem um post sobre ele no blog.

      Arnobio

  2. O Concierto de Aranjuez, com Paco de Lucia, pra mim é inesquecível. Tb tenho outra história sobre essa cidade de Aranjuez, mas não vou cansá-lo. Um dia conto.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: