Obrigado, SUS, pela terceira dose


 

O milagre do SUS

A pandemia da Covid-19 trouxe mortes, desespero, vidas e sonhos defeitos, famílias destruídas e a perda de esperança.

A década de 10 foi a da vitória ideológica do Ultraliberalismo sobre a racionalidade estatal. O feroz ataque da fraãçao do Kapital que controla a economia mundial quase destruiu o Estado, a Democracia e a política, pouco sobrou do antigo estado de bem-estar social.

A pandemia, contraditoriamente, reabilitou o Estado, sem a sua racionalidade bilhões de vidas teriam sido dizimadas, ainda que milhões tenham perecido, sem o Estado, a tragédia seria inimaginável.

A luta por vacinas, a política de vacinação só tem sucessos graças ao velho estado, um verdadeiro milagre, a sobrevivência do SUS, aqui no Brasil. A longa experiência e a capacidade de organização do trabalho de vacinação, é fundamental no combate à Pandemia.

Os vistosos números de vacinação são por obra e força do SUS apesar de Bolsonaro e Guedes, que sabotaram de todas as formas a aquisição, distribuição e aplicação das vacinas. É um verdadeiro milagre o esforço sobre-humano para que mais de 92% de brasileiros estejam com pelo menos uma dose, 75% com duas doses e já há um continente significativo pela terceira dose.

O SUS é o Estado em sua essência e sua função primordial, cuidar da saúde, Direito Humano fundamental. A dedicação dos servidores públicos, tão criminalizados pelos ultraliberais, é de emocionar e merece todo o nosso agradecimento e louvor.

Viva o SUS! Viva a ciência!

Deixe uma resposta

Related Post

%d blogueiros gostam disto: