“O que foi, torna a ser. O que é, perde existência. O palpável é nada. O nada assume essência”. (Fausto – Goethe) Fico remoendo ideias, escritos incompletos sobre temas complexos, depois quando releio percebo que faltou algo, por isto tento retomar ou reformatar alguns posts. As coisas que decidimos na […]