“Do infinito a amplidão confins recebe. À sua voz segunda as trevas fogem, Brilha a luz, ordem da desordem nasce”. (Paraíso Perdido , John Milton) Venho trabalhando intensamente desde junho de 2013 para compreender os vários significados, quais os signos e os fenômenos trazidos à políticas pelas manifestações no Brasil […]