Este espetáculo de horrores dos médicos e futuros médicos cearenses calou fundo na minha alma. Senti vergonha de mim mesmo, de ter lutado pouco, de ter feito pouco. A sensação é de derrota, profunda tristeza. Para coroar a “jornalista” de Natal escreve aquelas barbaridades como se contasse uma piada banal, algo […]