“Que nos ensine, pois, a ser pacientes a nossa provação, já que é desdita fatal dos namorados, como os sonhos, pensamentos, suspiros, dores, lágrimas, do pobre amor são companheiros certos” (Sonho de uma noite de Verão – W. Shakespeare) E tudo chega ao fim, pois há uma dialética nos […]

“Pastores que habitais os campos (. . .) sabemos relatar ficções muito semelhantes à realidade, mas, quando o queremos, sabemos também proclamar verdades”. (Teogonia – Hesíodo) Nestes tempos terríveis que as Trevas se aproximam de forma irresistível e ameaçam a civilização, a sociedade da informação parece namorar com a Idade […]

“Criai coragem; não há noite fria, por mais longa que seja, sem seu dia” (Macbeth – Shakespeare) A vida é feita de grandes lutas e vitórias, mas também de derrotas que ameaçam zerar o jogo, ou o placar ficar negativo. Nesses momentos ficamos sem rumo, sem direção, sem alento e […]

3

“Trais pra mim vãs brividade Qui eu quero matá a sôdade Fais tempo qui fui na fêra Ai sôdade…” (O pedido – Elomar) A densa névoa abraçou a fria São Paulo, a paisagem de prédios e avenidas e marginal era branca-cinza, o ar da cidade está estranho, assim como o […]