Dias dos Franciscos, de santos e iluminados, em vida, que tornam a humanidade melhor. Francisco de Assis (Giovanni di Pietro di Bernardone, italiano), o protetor dos homens e animais, um dos santos mais amados da Igreja católica, sua imagem icônica cercado de animais, de extrema bondade, abdicou de riquezas para […]

Eu desço dessa solidão Espalho coisas sobre Um Chão de Giz Há meros devaneios tolos A me torturar Fotografias recortadas Em jornais de folhas Amiúde! Eu vou te jogar Num pano de guardar confetes Eu vou te jogar Num pano de guardar confetes… Disparo balas de canhão É inútil, pois […]

O Centésimo post de mais  um ano complicado tem que levantar o astral e continuar o outro post da manhã. Pela manhã o artigo A MPB um dia nos Redimirá. foi como um sopro de esperança num Brasil asfixiado pela Covid-19 em números espantosos, com quase 300 mil mortos, um […]

1

  A manhã do dia de São José (19/03), o padroeiro do Ceará, aqui em Fortaleza veio uma chuva fina, que na tradição matuta significa que o “inverno” será bom, sem a Seca, uma benção num tempo tão difícil e de tantas incertezas, a chuva é uma boa notícia no […]

“Todo dia eu só penso em poder parar Meio-dia eu só penso em dizer não Depois penso na vida pra levar E me calo com a boca de feijão” (Cotidiano – Chico Buarque) Por muitos anos, publicava a música da sexta, que era um dia especial, anunciava os dias de […]

Então chegou a sexta, #sextou uma qualquer, mas é sexta, de uma semana estranha, muito estranha, aquela em que seria de carnaval, que foi “cancelado”, a maior prova de que os tempos são mais do que anormais, nem adiante teimar com a realidade, é o estranhamento o que vivemos, e […]

“And I just don’t know what to do My head has such a cloudy view I’m so tired of trying, ooh ooh ooh” De forma aleatória cheguei ao Heartless Bastards, em particular até a balada Only For You. A banda de Cincinnati (Ohio – EUA) que girava em torno da […]

“E ninguém nem percebia Que o real e a fantasia se separam no final” (canção em Dois Tempos – Vital Farias) Há uma grande decepção com vários artistas brasileiros por falta de posicionamento às causas populares, alguns inclusive que cruzaram a linha, se posicionando francamente favoráveis à figuras repugnantes como […]

Will the misty master break me? Will the key unlock my mind? Will the following footsteps catch me? Am I really dying? (Julia Dream – Pink Floyd) O calendário ainda não virou o ano, a incrível sensação de que 2019 não saiu da folhinha. O tal ano de 2020 continua […]

Na praça vazia Um grito, um ai Casas esquecidas Viúvas nos portais (Ponta de Areia – Milton Nascimento e Fernando Brant) Por mais que diga que Milton Nascimento é genial, é pouco, fico abobado ao ouvi-lo, sua voz sublime e única, reverbera na cabeça e não quero nunca mais de […]

Amanheci ouvindo velhas canções clássicas, em interpretações espetaculares, Unchained Melody e How Can You Mend a Broken Heart, com Al Green, Changes, com Charles Brandley e I’d Rather Go Blind, com Etta James, as potentes vozes negras,  jazz, soul music e a capacidade inventiva de recriar, improvisar, dão mais emoção […]

“Quem poderá fazer aquele amor morrer Nossa caminhadura? Dura caminhada pela estrada escura” (Drão – Gilberto Gil) A fusão da poesia de Gilberto Gil com a voz de Milton Nascimento, faz surge uma nova canção, Drão é imensa, pujante, pulsante, vida e esplendor, morte e dor, a delicadeza do ouço […]

Arquivos