“Para quem quer se soltar invento o cais Invento mais que a solidão me dá Invento lua nova a clarear Invento o amor e sei a dor de encontrar” (Cais – Milton Nascimento e Ronaldo Bastos) A voz que desafia a lógica, que nos põe em dúvida da existência de […]

‘A noite e o inferno à luz hão de trazer meu plano eterno” (Otelo – W. Shakespeare) Por razões aleatórias, voltei a pensar em Otelo, fazia tempo que não trabalhava nada naquele universo tão especial e particular. Mas uma questão antes me desperta, o temor comum das pessoas, em achar […]

“Desçamos ao mundo onde nada se vê” (Divina Comédia – Dante) Ao fundo ouço, mais uma vez, a poderosa “A Whiter Shade a Pale”, agora na espetacular versão de The Main Squeeze, as palavras descem no teclado no piloto automático, velhas e novas ideias, um sonho recente, ou uma formulação […]

“São treis sorte são treis sina na istrada dêsse cristão são treis irirmã granfina e de punhal na mão” (Gabriela – Elomar) Deveria estar escrito em algum lugar, uma lei especial, um mantra, uma oração, um ditado, que diga: O ser humano não pode dizer que viveu, se não conhecer […]

“Que ditosa ilusão, supor que ao homem seja dado emergir do mar dos erros! O que é mister saber, ninguém no atinge, e o que se alcança para nada presta” (Fausto – Goethe) Sim, agora tudo ou nada, pouco importa. A fase de tensão da alma do que não se […]

“Eu não estou interessado Em nenhuma teoria Em nenhuma fantasia Nem no algo mais” (Alucinação – Belchior) De quase todos os ângulos, costumo analisar os fenômenos que nos cercam, nem sempre consigo abranger, parece que escapa algo, o que não é ruim, demonstra que ainda temos muito por aprender. Até […]

“She’s got eyes of the bluest skies As if they thought of rain I hate to look into those eyes And see an ounce of pain Her hair reminds me of a warm safe place Where as a child I’d hide And pray for the thunder And the rain To […]

“Na minha desventura, contemplo um mar tão vasto de infortúnios, que nunca poderei salvar-me a nado, nem ao menos vencer esta vaga fatal que ora me assalta” (Hipólito – Eurípedes) O filho da musa Calíope, Orfeu, de bela voz, foi ao mundo dos mortos, o Hades, atrás de Eurídice, sua […]

1

  “You believed in their stories of fame, fortune and glory.  Now you’re lost in a haze of alcohol soft middle age  The pie in the sky turned out to be miles too high.  And you hide, hide, hide,  Behind brown and mild eyes” (Paranoid eyes – Pink Floyd) Parece […]

“Ouvi agora o que estabeleço, cidadãos de Atenas, que julgais a primeira causa de sangue. Doravante o povo de Egeu conservará este Conselho de Juizes, sempre renovado, nesta Colina de Ares. Nem anarquia, nem despotismo, esta é a norma que a meus cidadãos aconselho observarem com respeito. Se respeitardes, como […]

4

“Purifica tua mente e teu corpo estará curado”. (Gravada em Epidauro no templo de Asclépio) É mais ou menos assim, se houve uma vida anterior, já vim com defeito de DNA, a chatice é uma característica, talvez hereditária, mas não sei se veio dos meus velhos, que, apesar de sermos […]

“Deus me acuda! A arte é longa, a vida breve.” (Fausto – Goethe) Hoje completa um mês da partida de Letícia para aquele campo indefinido, de onde não se tem notícias, exceto pelo ato de fé, que em várias crenças e religiões tentam nos confortar. Na celebração cristã, herdada da tradição […]