“O aço dos meus olhos E o fel das minhas palavras Acalmaram meu silêncio Mas deixaram suas marcas Se hoje sou deserto É que eu não sabia Que as flores com o tempo Perdem a força E a ventania vem mais forte” (Noturno – Fagner) O terrível desejo de escrever, […]

1

No meio desta tempestade toda, de uma dura campanha eleitoral que ameaça o Brasil de voltar às trevas, combinado com uma doença grave de meu amigo e cunhado (esposo de minha irmã), encontrei um espaço para viajar nas ideias e sonhos, pois fui ler um pequeno livro com palestras do […]

       “Há mais coisas no céu e na terra, Horácio, do que sonha a tua filosofia”  (Hamlet – Shakespeare) Voltar ao mestre dos mestres, o grande bardo inglês, William Shakespeare, é um prazer sublime, não mais de uma vez li toda sua vasta obra, alguma delas, […]