Amanheci ouvindo velhas canções clássicas, em interpretações espetaculares, Unchained Melody e How Can You Mend a Broken Heart, com Al Green, Changes, com Charles Brandley e I’d Rather Go Blind, com Etta James, as potentes vozes negras,  jazz, soul music e a capacidade inventiva de recriar, improvisar, dão mais emoção […]

1

    Chegamos novamente ao dia mais esperado da semana, o blog não esquece, a véspera do fim de semana, simbolicamente na sexta, temos a nossa música para começar bem os dias de “folga”. Como temos feito nestes últimos 6 meses, tocamos e indicamos uma ou várias músicas, muito de […]