Quando o Futebol Brasileiro Entrou em Decadência?

Uma seleção que prometia muito, mas pode simbolizar o inicio da decadência do futebol brasileiro
Uma seleção que prometia muito, mas pode simbolizar o inicio da decadência do futebol brasileiro

O fim da curta passagem de Ronaldinho Gaúcho pelo Fluminense me fez lembrar de onde vem nossa atual fase decadente do futebol brasileiro, para mim, a fatídica Copa da Alemanha, em 2006, foi seu instante inicial. Sem dúvida o Gaúcho foi o último craque genial que o Brasil formou para o mundo, Neymar, por exemplo, ainda não está nem perto do que foi Ronaldinho no mesmo Barcelona, por um fato bem simples, ele não é o protagonista principal, como foi o Gaúcho.

Pensando nisso, fiz uma série de anotações no Twitter, para rememorar a Copa da Alemanha, inclusive os jogadores que fizeram parte daquela horrorosa partida final, contra uma fraca seleção francesa, mas que o Brasil conseguiu perder. A derrota não aconteceu ali, naquele jogo, veio de antes, desde a preparação desastrosa na Suíça, passando pelo excesso de Ego, de descompromisso e a da arrogância de jogadores e até chegar à ultrapassada comissão técnica, de Parreira e Zagalo.

Pode ser mera coincidência, mas a Copa de 2006 fez um mal terrível ao futebol brasileiro, a decadência e a falta de renovação são visíveis. O maior reflexo de 2006 foi o 7 x 1, ali se materializou nosso “fim”. Infelizmente, com Dunga novamente, parece que não vamos recomeçar.  Naquele momento, 2006, ficamos no SE, perdeu-se a confiança, o abismo econômico e a desorganização se acentuaram, agora são quase 10 anos de tragédia.

Basta olharmos a carreira dos jogadores que entraram em campo contra a França, nenhum deles voltou a jogar em alto nível, pelo menos continuamente, viveram de lampejos e da fama alcançada antes. Ronaldinho Gaúcho (26 anos), Adriano (24 anos), Kaká (24 anos) e Robinho (22 anos), foram as nossas maiores perdas, depois de 2006, suas carreiras renderam muito dinheiro, mas viraram comuns demais.

A decadência foi coletiva, todos os jogadores e comissão técnica (Parreira/Zagalo), jamais realizaram nada digno de nota. Aquela seleção brasileira que foi para a copa de 2006, que prometia rivalizar com a mítica seleção brasileira de 1982, virou uma frustração coletiva, supercraques, viraram jogadores comuns, depois. O que teria abalado suas carreiras, suas performances?

O Mistério de Ronaldinho Gaúcho até hoje me intriga, como um jogador foi tão espetacular por três anos seguidos (2004 a 2006), deixou de jogar bola? Jogava muito, tanto no Barcelona, quanto na Seleção, que fez inclusive com que se credenciasse a figurar como um dos maiores jogadores da história do Brasil, como Pelé, Zico, Rivelino. O mesmo se aplica ao Kaká que teve uma fase espetacular no Milan, na mesma época, depois “sumiu”. É problema psicológico?

A tragédia comum de Ronaldinho e Kaká foi a terrível copa de 2006, o Brasil era favorito absoluto, quase sem adversário, mas tudo deu errado e não fez uma única partida decente, no fim conseguiu perder pra França, que tinha uma seleção em transição, fim de um ciclo envelhecido, nem de longe lembrava a campeã de 1998, mesmo assim foi vice, perdendo para Itália, sem brilho também.

Quem jogou naquele 1º de julho de 2006:

1) Dida – Se manteve como bom goleiro, sem ser espetacular;

2) Cafu  – Pela idade ficou por ficar, ainda jogou em 2010;

3) Juan – Ainda joga, nada especial;

4) Lúcio- Não repetiu performance, carreira mediana;

5) Roberto Carlos – Foi decaindo, nada demais;

6) Zé Roberto – Continua jogando, vigor físico e vontade, bom jogador;

7) Gilberto Silva – Estacionou;

8) Kaká e Ronaldinho – viraram fantasma do que prometiam ser;

9) Ronaldo Fenômeno – Enganou bem no Corinthians, com muitos quilos acima do peso, ótimo marketing, mas não como atleta, refletiu a extrema decadência do futebol brasileiro;

10) Adriano, só jogou bem em 2009, deu no que deu;

11) Juninho Pernambucano – Jogou bem na França, talvez o menos afetado de todos;

12) Robinho – Jamais virou o craque que prometia ser, chegou como líder da copa 2010, mas sem ser nada espetacular;

13) Cicinho – carreira entrou em queda-livre depois da copa.

14) Parreira/Zagalo se acabaram tecnicamente, nenhuma ideia que se aproveite, em especial do “estudioso” Parreira;

Do meu ponto de vista, precisamente em 2006, é o ano emblemático do futebol brasileiro, que prometia demais, com justiça, pois fez muito entre 2002 e 2005, mas a preparação e a participação na Copa da Alemanha foram desastrosas. Ali, nossos problemas de organização, seriedade e incapacidade administrativa saltaram aos olhos, nove anos depois nenhuma correção de rota foi feita, ao contrário, só pioramos, vide o famoso 7 x 1, sem alma.

Ontem vi Dunga e Gilmar num programa “chapa-branca” da Rede Globo, que domina economicamente o futebol brasileiro e pude constatar que dali nada sairá de bom. Impressionante como não consegue avaliar o caos da CBF, do calendário, da estrutura em geral. Num dos momentos, Dunga, chegou a culpar a perda da Copa América apenas por falta de jogadores que não puderam ir, nenhuma mea-culpa de seu péssimo esquema de jogo, vamos muito mal.

 Será que precisaremos não ir a Moscou para que algo aconteça?

4 thoughts on “Quando o Futebol Brasileiro Entrou em Decadência?”

  1. Acho que nesse ano eles perceberam que jogar futebol nada mais é do que uma forma de lavar grana. – E que entregar uma Copa vale mais no bolso do que ganhar na raça.

  2. Parei De ler seu texto quando logo de início você como a maioria dos brasileiros patriotas ” esquecem da razão e agem com o coração ” ao analisar um problema que não é só do futebol brasileiro mais sim do futebol mundial , ao INVEZ de analisar a leitura do futebol de forma técnica você avalia de forma irracional querendo desmerecer as 2 melhores seleções de uma copa do mundo de 2006 A FRANÇA com seus jogadores habilidosos e técnicos como Zidane , HENRY TREZEGUET , MEXES , ABIDAL , RIBERY , THURAM , MALOUDA que dominaram aquele jogo contra a seleção Nervosa do Brasil do início ao fim valendo até com um chapéu de Zidane em cima de Ronaldinho gaúcho nos 12 minutos do primeiro tempo mostrar que de fato ( NÃO EXISTIU NENHUMA SELEÇÃO FRACA ) que enfrentou o Brasil até porque até aquele momento até o jogo contra a França o Brasil só tinha pego galinha morta com exceção da já eliminada Inglaterra tirando este fato o Brasil pegou quem antes da França ???? CHINA?? Korea ?? JAPÃO ?? Austrália ??? Eu possuo todos os jogos na íntegra das copas do mundo de 1990 a 2014 que vi e revi deversas vezes e após ver tantos Replays , Tantos compactos eu pude chegar a seguinte conclusão que na maioria das copas principalmente da primeira fase até as quartas e oitavas de finais a seleção brasileira só jogava com seleções pífias que entravam nas copas apenas para cumprir tabelas , qual foi a copa que o Brasil pegou logo de cara uma argentina? Uma ITALIA ? Uma Alemanha ? Análise todas as copas de 1990 até agora e veja OQUE os gráficos e as tabelas nos mostram !

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: